O meu gatinho tenta fugir de casa

O meu gatinho tenta fugir de casa

Devo ou não deixar o meu gato sair para desfrutar do ar livre? 

Acha que o seu gatinho seria mais feliz se pudesse deixá-lo sair? Por vezes o facto dos gatinhos miarem constantemente faz-nos pensar que eles querem passear e aí surge a pergunta: será que tenho feito tudo errado e na verdade o meu gato será mais feliz se o deixar sair?

Aqui estão alguns dos fatores que indicam a baixa expectativa de vida para gatos ao ar livre e algumas razões pelas quais você deve manter seu gato dentro.

1. Doenças e Parasitas

Deixar o seu gatinho passear pelo exterior poderá originar o aparecimento de pulgas, carrapatos ou piolhos. Considere ainda que os gatos são susceptíveis de voltar para casa de uma viagem com doenças potencialmente fatais que contraíram de outros gatos, como a leucemia felina ( FeLV), AIDS felino (FIV), peritonite infecciosa felina (FIP) e (panleucopenia). O FIV é altamente contagioso e fatal, e infelizmente não há vacina. A única forma de manter o seu gatinho a salvo desta doença mortal é não o deixar saír.

2. Cães, animais selvagens e outros gatos

Para além dos parasitas e doenças que o seu gatinho possa contraír, temos ainda o aparecimento de outros animais que o podem atacar. Tenha em conta que o seu gato pode ser atacado por um cachorro ou até mesmo encontros com outros gatos, embora normalmente não sejam fatais, podem causar infecções mortais, para não falar de ferimentos que possam alterar condição de vida do seu pet.

3. Carros

Ao contrário de cães maiores e mais resistentes, os gatos quase nunca sobrevivem ao serem atingidos por um carro. Proteja o seu animal evite grandes perigos.

4. Pessoas estranhas

Infelizmente nem todas as pessoas gostam de animais e muitas das vezes essas pessoas colocam veneno, roubam animais de estimação com a finalidade de vendê-los aos comerciantes (que vendem os animais aos laboratórios). Seja inteligente e não deixe isso acontecer com o seu gatinho precioso.

 

 

5. Esperança média de vida

Estima-se que o tempo médio de vida de um gato ao ar livre é de apenas 2-5 anos, enquanto o gatinho indoor pode viver de 15 a 20 anos saudáveis.

Já parou para pensar no impacto da vida selvagem que é causada pelos milhares de gatos que habitam na rua? Alguns desses animais já estão em perigo.

Agora que você percebeu que é melhor manter o seu gatinho dentro de casa, como poderá dar-lhes a melhor vida possível?

Arranhadores, brinquedos interativos e esconderijos torres ao redor da sua casa ajudam a estimular o seu gato. Um passeio vigiado na varanda ou uma caminhada com uma coleira e um arnês bem ajustado pode permitir que o seu gato experimente o exterior de forma segura. E, é claro, o amor e o carinho farão com que o seu gato goste de estar consigo.

Veja também:

Grandes ideias para satisfazer as necessidades emocionais do seu gato
10 dicas como treinar o seu gato a passear com arnês
Paraíso dos Gatos no Japão

Gostou do artigo? Então NÃO deixe de PARTILHAR com os amigos!

fugir de casa, gatinho fugiu, gatinho tenta fugir de casa, gato foge, gato foge de casa, gato fugiu


Nídia Silva

"Os gatos fazem parte da minha vida, não me imagino a viver num universo sem eles..." Decidi criar este blog por necessidade de partilhar e fundamentalmente ajudar quem necessita de informações, tal como eu. No fundo, apesar de ser um blog, considero este meu trabalho uma fonte de recursos. Há dias que necessito de recorrer a informação para as minhas três gatas e sendo uma delas insuficiente renal com apenas 1 ano de idade... tenho de estar 100% atenta ( a minha fonte de motivação maior! ). Beijinhos e muitos ronrons!! :D

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Mantém-te ligada

Junta-te a comunidade e subscreve à newsletter semanal, assim ficas a par das últimas novidades.

© 2019 Universo de Gatos de Nídia Silva com ❤ Todos os direitos reservados