Gata Mãe não alimenta os seus gatinhos recém-nascidos

Gata recusa a alimentar os seus gatinhos recém-nascidos

É possível uma gata mãe não alimentar os seus filhotes? 

Há dias recebemos um testemunho de uma das nossas leitoras que dizia que a sua gata mãe deixou de querer alimentar os seus gatinhos após dois deles falecerem. Acreditamos que poderá não ser a única e por isso deixamos aqui o nosso conselho…

Neste tipo de situação precisa de recolher a gata mãe e os restantes gatinhos e levá-los ao seu veterinário de forma a fazer um check-up o mais breve possível. Um dos problemas mais comuns pode ser mastite ou alguma outra condição que faça com que esteja a criar algum tipo de dor. Se for esse o caso, os gatinhos precisarão de ser alimentados manualmente até que mãe gata mãe esteja recuperada. tem possibilidade de fazer isto durante o dia? Se assim for, precisará de ter consigo biberons para gatos bebés assim como leite especial para gatinhos. Tenha ainda consigo uma caminha confortável para que eles estejam sempre em boas condições de temperatura enquanto a gata mãe estiver em recuperação.

Após estes cuidados, se a gata mãe tiver rejeitado completamente os seus gatinhos, eles precisarão de ser mantidos quentes conforme referi antes. O resfriado nesta idade pode ser rapidamente fatal para eles.

Se não for capaz de fazer este trabalho, procure um grupo de resgate local que esteja disposto a acolher os gatinhos. O seu veterinário poderá também ajudá-lo a localizar uma associação.

 

Por fim, neste caso, após esta experiência aconselho a informar-se acerca da esterilização. É realmente a melhor solução para a sua saúde, e para evitar crises futuras, conforme esta que esta a decorrer. Informe-se com o seu veterinário acerca desta opção e qual a altura mais indicada para o fazer.

O Blog Universo de gatos não assume qualquer responsabilidade pelo conteúdo desta página.

Este conselho não é um substituto a uma consulta adequada com um veterinário e destina-se apenas como um guia. Entre em contato com o seu veterinário local para aconselhamento ou tratamento imediato se estiver preocupado com a saúde do seu animal de estimação – mesmo que estejam encerrados, existe hospitais que dispõem de turnos diurnos e noturnos. Descubra mais sobre o que fazer em um fora de horas de emergência.

Veja também:

Quanto tempo deve um gatinho ficar com a mãe?
Gatinhos quais os cuidados a ter
As primeiras 6 semanas de um gatinho

Gostou do artigo? Então NÃO deixe de PARTILHAR com os amigos!

"Os gatos fazem parte da minha vida, não me imagino a viver num universo sem eles..." Decidi criar este blog por necessidade de partilhar e fundamentalmente ajudar quem necessita de informações, tal como eu. No fundo, apesar de ser um blog, considero este meu trabalho uma fonte de recursos. Há dias que necessito de recorrer a informação para as minhas três gatas e sendo uma delas insuficiente renal com apenas 1 ano de idade... tenho de estar 100% atenta ( a minha fonte de motivação maior! ). Beijinhos e muitos ronrons!! :D

Deixar Mensagem

Your email address will not be published. Required fields are marked *