escovar_dentes_a_gato

Aprenda a escovar os dentes ao seu gato

Em apenas 5 etapas aprenda a escovar os dentes ao seu gatinho

Aqui está um bom processo para escovar os dentes ao seu gato de forma a mantê-lo saudável.

1. A primeira escovagem do meu gato

A primeira vez que escovar os dentes ao gato ele deve familiarizar-se á pasta de dentes deixe-o lamber um pouco apenas. Segure o seu gatinho no seu colo e deixe-o ficar confortável.

Uma vez que ele está relaxado, gentilmente levante o lábio num dos lados da sua boca e comece a escovar as partes externas dos seus dentes com pasta específica para gatos. ( IMPORTANTE: A pasta de dentes é específica para gatos, não utilize pasta normal pode ser fatal )

2. Escovar corretamente

Com a ajuda de uma escova específica para pets escove sempre para baixo da linha da gengiva de forma a retirar as partículas de comida embutidas e empurre-as para fora da boca. Se as gengivas forem mais sensiveis em torno dos incisivos, estes dentes devem ser deixados para a próxima escovagem.

Veja também: Gengivite nos gatos causas e sintomas

3. Adaptação

Na mandíbula inferior, escove longe da linha da gengiva. Poderá precisar abrir a boca apertando suavemente suas duas bochechas entre os seus dois dedos, mas os gatos geralmente abrirão sozinhos uma vez que provem a pasta de dente.

 

4. Aprender a escovar

Continue a escovar o as partes externas dos seus dentes em ambos os lados até que tenha escovado toda a boca.

5. Finalizar a escovagem colocando água á disposição

Não precisa enxaguar a boca porque as pastas de dentes para gatos é feita para ser comida, não há produtos químicos que possam prejudicar o seu estômago. Contudo permita-lhe o acesso à sua tigela de água após de terminar. conseguir escovar os dentes ao gato pode demorar algum tempo a ser concretizado, com um pouco de paciência conseguirá que o seu gatinho deixe escovar os seus dentes.

O Blog Universo de gatos não assume qualquer responsabilidade pelo conteúdo desta página.

Este conselho não é um substituto a uma consulta adequada com um veterinário e destina-se apenas como um guia. Entre em contato com o seu veterinário local para aconselhamento ou tratamento imediato se estiver preocupado com a saúde do seu animal de estimação – mesmo que estejam encerrados, existe hospitais que dispõem de turnos diurnos e noturnos. Descubra mais sobre o que fazer em um fora de horas de emergência.

Veja também:

Gengivite nos Gatos Diagnóstico e Tratamento
Higiene Dentária nos Gatos
A falta de apetite pode levar a anorexia

Gostou do artigo? Então NÃO deixe de PARTILHAR com os amigos!

"Os gatos fazem parte da minha vida, não me imagino a viver num universo sem eles..." Decidi criar este blog por necessidade de partilhar e fundamentalmente ajudar quem necessita de informações, tal como eu. No fundo, apesar de ser um blog, considero este meu trabalho uma fonte de recursos. Há dias que necessito de recorrer a informação para as minhas três gatas e sendo uma delas insuficiente renal com apenas 1 ano de idade... tenho de estar 100% atenta ( a minha fonte de motivação maior! ). Beijinhos e muitos ronrons!! :D

Deixar Mensagem

Your email address will not be published. Required fields are marked *