É importante que consiga perceber o comportamento dos gatos séniores. Conheça aqui alguns tópicos para o ajudar a reconhecer as suas necessidades

Gatos Séniores: Como reconhecer as suas necessidades

Os gatos séniores têm necessidades diferentes dos gatos restantes. No entanto ainda existe muito amor para lhe dar e receber.

Gatos Séniores e as suas necessidades

É importante que consiga perceber o comportamento do seu gato sénior para que lhe possa proporcionar uma boa qualidade de vida. Por isso deixo aqui alguns tópicos para o ajudar a reconhecer as suas necessidades:

  • Os gatos seniores não se movimentam tão bem quanto nos anos anteriores. Não saltam nem brincam com tanta frequência, não são tão ativos
  • Dormem mais e em caso de saírem para a rua não vão tantas vezes à caça
  • Sentem calor com mais facilidade
  • O pelo começa a perder brilho mesmo que tenham uma alimentação saudável
  • Aos poucos perdem um pouco de visão e audição
  • Surgem doenças próprias da idade e ainda as mais frequentes relacionadas com os rins, problemas de gengivas, perdas de dentes, problemas no trato digestivo
  • Os gatos séniores começam a perder peso
  • Alteração dos seus hábitos de comportamento e suas necessidades quando sentem que estão a perder mais agilidade
  • Não são tão tolerantes com outros gatos, mantêm-se afastados para não demonstrarem as suas fraquezas
  • Os gatos séniores não aceitam alterações nas suas refeições, são mais exigentes
  • Não gostam de ser acordados se estiverem a descansar
  • São mais mimados e exigem mais atenção por parte do dono.

Todas estas situações devem ser compreendidas por parte do dono. Afinal os anos passam e o que nós queremos é ter o nosso gato junto de nós por muito tempo. Por isso devemos redobrar a atenção, sermos compreensivos e mimar a nossa ferinha incondicionalmente.

 
Veja também:
Dicas para acolher um gato em casa
Adotar um gato
Gatinhos quais os cuidados a ter

Gostou do artigo? Então NÃO deixe de PARTILHAR com os amigos!

"Os gatos fazem parte da minha vida, não me imagino a viver num universo sem eles..." Decidi criar este blog por necessidade de partilhar e fundamentalmente ajudar quem necessita de informações, tal como eu. No fundo, apesar de ser um blog, considero este meu trabalho uma fonte de recursos. Há dias que necessito de recorrer a informação para as minhas três gatas e sendo uma delas insuficiente renal com apenas 1 ano de idade... tenho de estar 100% atenta ( a minha fonte de motivação maior! ). Beijinhos e muitos ronrons!! :D

Deixar Mensagem

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.