Gatos Persas como os identificar

0
1642
Gatos Persas como os identificar
Os gatos persas representam o glamour no mundo dos felinos. Em gatinhos, são umas bolas de pêlo adoráveis que até acabam por se perder no seu pêlo longo.

Vemos muitas imagens na internet de gatos com pêlo longo, mas será que são realmente persas?

Os gatos persas representam o glamour no mundo dos felinos. Em gatinhos, são umas autenticas bolas de pêlo adoráveis onde os seus olhos até se acabam por perder no meio do seu longo pêlo. Já em adultos,os gatos persas têm um olhar impactante que por momentos se torna snobe. Contudo, não são conhecidos por ter uma personalidade arrogante, pelo contrário, os gatos persas são companheiros amorosos e leais.

As 3 principais características dos gatos persas

De acordo com o padrão da raça ( CFA ) Associação de Cat Fanciers dos Estados Unidos:

1. Cabeça

A cabeça dos gatos persas são a sua característica de certa forma mais marcante. Comparativamente ao gato comum é maior e mais redonda com olhos grandes e uma expressão dócil. As suas orelhas são pequenas de pontas arredondadas. Devem ser afastadas e ligeiramente inclinadas para a frente. Com faces também completamente redondas, e o nariz curto que parece estar alinhado com os olhos.

2. Corpo

Se remover o seu casaco de pêlo glamouroso, vai encontrar um gato encorpado. Os gatos persas são redondos, em todo o significado da sua palavra, com pernas curtas e grossas para que consiga apoiar a sua grossura extra. A sua cauda é curta, mas sempre em proporção ao seu tamanho de corpo.

3. Tamanho

Não havendo nenhum peso definido, os gatos persas devem ser baixos, encorpados e equilibrados. De Médio a grande porte, de bom tônus muscular e sem obesidade é o padrão para Associação Gato Fanciers ( CFA ) dos Estados Unidos.

História

Personalidade

Cuidados

Gostou do artigo? Então NÃO deixe de PARTILHAR com os amigos!

COMPARTILHAR
Artigo anteriorGato massaja a barba do seu dono [VIRAL]
Próximo artigo20 Tatuagens simples de GATOS
Nídia Silva
"Os gatos fazem parte da minha vida, não me imagino a viver num universo sem eles..." Decidi criar este blog por necessidade de partilhar e fundamentalmente ajudar quem necessita de informações, tal como eu. No fundo, apesar de ser um blog, considero este meu trabalho uma fonte de recursos. Há dias que necessito de recorrer a informação para as minhas três gatas e sendo uma delas insuficiente renal com apenas 1 ano de idade... tenho de estar 100% atenta ( a minha fonte de motivação maior! ). Beijinhos e muitos ronrons!! :D

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor confirme o seu comentário!
Por favor preencha o seu nome aqui